CONTRA A OBEDIÊNCIA CEGA

obediencia

No movimento tradicionalista exite um problema radical que é o da desobediência. Já me ocorreram alguns problemas quando afirmei isso em ambientes tradicionais, normalmente sendo hostilizado e banido. Falta a esses um pouco de paciência e, talvez, maturidade — emocional e intelectual — para ouvir críticas e percebê-las de modo não necessariamente ruim.

Ninguém pode negar que a tradição nasceu da desobediência. Entenda-se, aqui, a desobediência material, pois que formalmente não se queria desobedecer à alta hierarquia eclesiástica, mas salvar a Fé ameaçada pelo modernismo de Roma. Continuar lendo

Anúncios

TRADIÇÃO CONSTITUTIVA

alma

Texto original aqui.

****************

 

Ataque à Tradição Constitutiva

 

Por que é sempre a Liturgia o alvo dos ataques mais violentos da parte dos que estão determinados a refazer a Igreja Católica à imagem do modernismo? O que há na Sagrada Liturgia que tanto ameaça os progressistas a ponto de sofrer constantes e ininterruptos remendos de «reformadores» liberais decididos a apagar todos os vestígios da Tradição da Igreja? Naturalmente, o Santo Sacrifício da Missa é o mais perfeito ato de adoração e, como tal, é particularmente odiado pelo Demônio, que se volta contra a Missa com ódio especial. Esta é obviamente a razão sobrenatural por trás dos ataques progressistas. Mas há também uma razão teológica muito prática e conjugada ao entendimento da Igreja sobre Tradição, Revelação Divina e sua própria natureza. Continuar lendo

A TRANSFIGURAÇÃO OU UMA MENSAGEM AOS TRADICIONALISTAS

247

«Senhor, bom é estarmos aqui; se quiserdes, faremos aqui três tabernáculos, um para Ti, um para Moisés e outra para Elias».

O II Domingo da Quaresma tem por Evangelho a Transfiguração do Senhor. Esse fato, também comemorado em outra oportunidade no calendário (dia 6 de agosto), tem, sim, importância para os exercícios quaresmais. Enquanto o foco da festa do dia 6 é precisamente o fato em si, a manifestação da glória do Senhor, na Quaresma, por sua vez, o centro é a nossa conversão: transfigurar nossos corações impuros naquelas cândidas vestes batismais. Conversão essa que se dará, impreterivelmente, pela oração (simbolizada pela subida ao monte). Continuar lendo

A SITUAÇÃO DA TRADIÇÃO

12717591_1568803170076775_1428153380327590988_nO catolicismo já há alguns anos passa por uma terrível aridez espiritual. Os verdadeiros católicos não mais são chamados assim. Ao invés, são agora tradicionalistas.

São Pio X afirma:

«Os verdadeiros amigos do povo não são nem revolucionários, nem inovadores, mas tradicionalistas» (cf. Carta Apostólica Notre Charge Apostolique, 39).

Continuar lendo