MODERNISMO NA IGREJA

Largo da Carioca

A mentalidade moderna foi alvo do Magistério recente diversas vezes. Nossos dias estão completamente tomados por ela e seus ideais; na verdade, ela invadiu o seio da Igreja até as suas entranhas. Neste texto, portanto, será exposto a origem, a base e o desdobramento da modernidade na sociedade, algumas condenações do Magistério ao seu pensamento e, por fim, o aparente triunfo do erro e sua metástase na Igreja.

Continuar lendo

Anúncios

O MISTÉRIO PASCAL É UMA DOUTRINA NOVA?

photo

Entende-se, modernamente, por mistério pascal aquela ideia de que a Morte, Ressurreição e Ascensão de Nosso Senhor estão tão intimamente ligadas que a obra da Redenção foi operada por esses três fatos — apenas distintos temporalmente — passando a ser o principal mistério da Fé [1].

A última parte dessa doutrina moderna é facilmente rejeitada porque o catecismo ensina explicitamente que os principais mistérios da Fé, além da Santíssima Trindade de Deus, é a Encarnação, Paixão e Morte de Cristo, i.e., a Redenção. Não há, como se pode constatar, referência à Ressurreição. Continuar lendo

CULTO E SOCIEDADE

Nenhuma cultura surgiu ou se desenvolveu a não ser acompanhada por uma religião. A cultura é produto da religião dominante uma vez que o culto é o centro de todas as civilizações exceto da civilização moderna.

Antes de desenvolver a discussão é preciso definir quatro termos: culto, cultura, sociedade e ‘invasão vertical dos bárbaros’: Continuar lendo

A MISSA E A TEOLOGIA

3466e399-aee9-49e7-a684-c36ad955f4ba

Um argumento bastante utilizado pelos que defendem a ortodoxia da reforma litúrgica de Paulo VI, é que a Igreja não pode errar ao legislar tampouco ao impor um rito. É possível que a Igreja estabeleça um rito ruim ou herético? A resposta, como a maioria das coisas reais, não é tão simplista como querem alguns. Continuar lendo